quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Resenha | O Mágico de Oz

Existe um autor de livros “infantis” do final do século XIX início do século XX que eu amo. Além dos seus livros mais conhecidos como O Mágico de Oz, eu também adoro os outros da mesma série (sim, existem outros sobre Oz tão maravilhosos quanto!), e alguns menos conhecidos. Ele se chama L. Frank Baum e, eu devo muito a ele, pois é por causa de seus livros que eu me tornei um sonhador. A vida sem sonhos para mim não é nada, eu posso não realizar nenhum, mas continuarei sonhando. Baum foi o grande mágico de Oz. E ele é único.


"We're off to see the wizard
The wonderful wizard of oz!
We hear he is a wiz of a wiz
If ever a wiz there was
If ever, oh, ever, a wiz there was
The Wizard of Oz is one because
Because, because, because, because, because
Because of the wonderful things he does!"


A história começa em uma pequena casa no Kansas, onde Dorothy mora com seu tio Henry e sua tia Em. E com Totó, um cãozinho que é seu fiel companheiro. Nesse lugar, Dorothy não tem muito o que fazer, além de brincar com Totó. O Kansas (dos anos 1900) é lugar um tanto desértico, com muitos ventos e sol. Em um dado momento, tio Henry percebe que um ciclone se forma e, está vindo em direção à casa. Logo, eles correm para o abrigo, mas Dorothy não. Ela e Totó acabam ficando na casa que, acaba por dar rodopios estranhos como se subisse no ar. Embora fosse assustador para o cãozinho, ele e sua dona adormecem após algum tempo.


Após um barulho alto que fez a casa sacudir violentamente, Dorothy e Totó se veem em um lugar que não se parece nada com o Kansas. Este novo lugar não se parece com nenhum outro que eles tenham visto. Não demora muito até que os habitantes que moram ao redor de onde a casa caiu cheguem. Os Munchkins. Eles são da mesma altura de Dorothy, mas parecem ser mais velhos que ela. E não chegam sozinhos, junto deles chega também a bruxa boa do norte que, está muito feliz. Pois a casa caiu bem em cima da bruxa má do leste que, estava escravizando os Munchkins.

Como Dorothy quer voltar para o Kansas, ela recebe instruções para procurar o grande Mágico de Oz. Somente ele saberia instruí-la para encontrar o caminho de volta. Junto do cãozinho Totó, ela segue em busca da cidade das Esmeraldas, através da estrada de tijolos amarelos. A partir de então, se inicia uma aventura, a qual nem Dorothy ou o cãozinho esperariam viver.


Continuando pela estrada dos tijolos amarelos, e pequena garotinha e seu companheiro vão conhecer alguns novos amigos. Seres que, assim como ela possuem um sonho. Primeiro ela conhece o Espantalho, ele quer muito ter um cérebro para pensar. Depois eles encontram um homem feito todo de lata, ele quer muito ter um coração. E ainda encontram um leão covarde e, ele quer muito ter coragem. Assim grupo comporto por Dorothy, Totó, o Espantalho, o Homem de Lata e o Leão Covarde seguem rumo a cidade das Esmeraldas para encontrar o grande Oz.

Eu sempre fico refletindo sobre a recepção dessa obra naquela época. São muitas as mensagens que a história passa, e isso de uma maneira bem simples. Segundo algumas notas, o autor recebia muitas cartas e visitas de crianças e adultos. Esse livro é muito especial para mim. Eu amo muito, e ás vezes nós vivemos por momentos cinzas na vida, no meu caso, assim como Dorothy eu também sonhei muito. Como dizer que Oz não é real para ela? Pois eles existem e, isso basta.


O meu personagem favorito do livro é o Espantalho. Não sei explicar, algumas coisas parecem não ter uma explicação sempre, mas eu gosto dele. Esses personagens têm algo muito forte em comum entre eles, o ato de sonhar e acreditar que juntos eles conseguirão tudo. Acreditar é uma palavra forte e os guiam incessantemente. Eu recomendo esse livro para qualquer idade. São exemplos que ensinam bastante. Preciso contar que chorei relendo esse livro?

A minha edição em português é esta, a qual a capa se encontra no topo da resenha. Uma edição super fofa da Editora Zahar. As ilustrações são em preto, o que deixam a leitura com um toque da época de sua publicação original. Espero que muitos de vocês ainda possam conhecer esse livro e sentir tudo o que ele pode oferecer. Boa leitura!

34 comentários:

  1. Um clássico é claro da literatura infantil,que com certeza adoro muito além de conhecer o livro quem nunca assistiu aos filmes.
    Eu como uma fã de totó,adoro aquele cão muito fofo e super esperto e que passa por toda aventura acompanhando sua dona.
    Ótima dica de leitura para o público em geral,todos deveriam de ler este livro.

    http://magiasbook.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    L. Frank Baum é um gênio!
    Também sou apaixonada por essa história! Comprei meu exemplar recentemente, irei reler em breve.
    Ótima resenha!
    Beijos

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oiee ^^
    Gostei da capa desse livro ^^ Ainda não li essa história, mas conheço algumas partes dela. Está na minha meta de leitura ler os clássicos.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oii, tudo bem?
    Eu tenho que admitir que eu não li o livro e nem vi o filme rsrs, então não sei quase nada da historia, só sei o que você escreveu na resenha, e me pareceu bem interessante.

    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Depois as pessoas vêm e falam: Livro bom é apenas clássico brasileiro e britânico, o resto não serve para nada e blablabla.

    O mago de oz é uma coisa linda de se ver, que fez parte da minha vida e faz até hoje.

    Parabéns pela resenha :D

    Robs - http://www.perdidoempalavras.com/

    ResponderExcluir
  6. Esse livro deve ser um sonho de diagramação, as imagens que você postou são lindas. Que edição linda, a história é muito fofa também. Louca pra ter um exemplar na minha coleção.

    Bjks

    Patty Santos
    Blog Coração de Tinta

    ResponderExcluir
  7. Oie.
    Confesso que nunca li o filme e nem lembro de ter visto o filme, mas sempre vejo opiniões positivas como a sua e isso me deixa com muita vontade de ler

    Beijos
    www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  8. Oieees!
    Eu li esse livro recentemente e já até postei minha opinião lá no blog. Esse universo que o autor criou é tão fantástico, sabia que na verdade é uma série e que se chama "Mundo de OZ"? Fiquei super empolgado com essa notícia e também saber que terei mais aventurar, awnn <3
    Adorei conhecer seu blog, a resenha está bem bacana e fiquei apaixonado por essa edição da Zahar HUAHAUAHA.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Estou com vergonha =/
    É que não li nenhum dos livros do autor, nem mesmo o mais conhecido O mágico de Oz. Conheço a história, sim, e é uma das histórias infantis que eu mais amo, de verdade, mas conheço dos filmes. Assisti a todas as adaptações, das antigas as mais recentes e adoro cada uma. Então antes de te parabenizar por tão linda resenha eu prometo que lerei os livros, é só ter mau graninha para comprar os livros... Espero que possa ser o mais breve possível.
    Beijos!
    Vivi
    Razão e Resenhas

    http://vivianeblood.blogspot.com.br/2015/01/resenha-outlander-libelula-no-ambar.html

    ResponderExcluir
  10. Conheço Oz atras de filmes e tals, qtos ao livros não li, mas tenho fé que desse ano não passa

    http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Clássicos sempre nos remetem a nossa infância, como não gostar do Mágico de Oz, uma história tão bem construída que até hoje encanta crianças e adultos . Vi o filme tantas vezes e adorei as novas edições que tem sido lançadas. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  12. Amo clássicos e amo essa história Mauricio :)
    Com vergonha admito que só conheço O Mágico de Oz pelos filmes, nunca li nenhum livro nem mesmo livro infantil quando criança, mas isso vai mudar rs.

    Bjs
    Jéssica
    http://www.coracaoleitor.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá... li muito esse livro na minha infância... e gostava demais... depois que cresci não li mais... uma pena pra mim kkkk. Assisti alguns filmes em desenho principalmente... e acho uma história incrível... também adoro o espantalho... Xero!!

    ResponderExcluir
  14. Oie, tudo bom?
    Acredita que nunca li esse clássico? Claro que já vi a história em desenhos e filmes, mas nunca tive a oportunidade de ler a obra literária. Sua resenha está sensacional e me deixou com vontade de ter um exemplar pra mim. Acho essa edição muito bonita.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. oi, tudo bem?
    Acredita que nunca li esse livro? E vi o filme há muitos anos, então não lembro de detalhes. Mas as mensagens são mesmo lindas. O legal desses livros "infantis" é justamente o fato de serem perfeitos para qualquer idade.
    Pretendo ler o livro em breve, tomar vergonha na cara, kkkkk
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oiee, tudo bem?

    Acredita que eu nunca li O Mágico de Oz? Só vi o filme. Tenho esse livro aqui em casa. Vamos ver se esse ano eu tomo vergonha e leio. Parabéns pela resenha, ficou muito boa

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  17. Olá Mauricio, tudo bem?
    Eu já li o mágico de Oz, achei uma história encantadora, porém minha edição é diferente da sua, a minha é a que foi publicada pela vermelho marinho.
    Quando li o livro tive a mesma impressão que a sua, e vale muito a pena lê-lo.

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    É um livro clássico e que nunca vai morrer.
    Uma história que encanta crianças e adultos.
    Adorei a resenha.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir